top of page

2022 vai ser o ano do barulho!


Em breve teremos o Réveillon marcando o início de um ano e tanto. Em 2022, viveremos o primeiro carnaval depois de um hiato de dois anos; teremos Copa do Mundo, Eleições Estaduais e Presidenciais. Vai ser um "ano do barulho" , como diria um anúncio de sessão da tarde! Mas não estamos falando dos Batutinhas, e sim dos nossos cães. Como será pra eles passar por toda essa poluição sonora?


Os cachorros têm a audição muito potente e sensível! Ou seja, uma grande qualidade dos cães numa circunstância como a de queima de fogos, revela também sua fragilidade. Eles são capazes de sentir surpresa e medo, emoções básicas para sobrevivência. Assim, diante de ruídos estranhos, abruptos, intensos e sem razão aparente é comum tomarem um susto ou até se manterem assustados durante todo o tempo e até após as queimas de fogos. Como previsto dentro dos princípios do bem-estar animal, os animais devem levar vidas livres de medo e estresse. Um de nossos papeis ao conviver com um cão é prepará-lo para as situações da vida, de modo que reduza o estresse sentido pelo animal, como: cães que têm medo ao estar na rua diante de muitos ruídos, queima de fogos, secador de cabelo, etc.


Hoje é o dia da final da Libertadores 2021 e, enquanto o texto é escrito em Niterói-RJ, não se sabe quem vai ser campeão. Mas se o Flamengo vencer, vai ser uma noite barulhenta! Assim, vou contar a vocês o que vou fazer! Hoje estou com quatro cães em casa. Eles são diferentes e reagem de diferentes formas e em diferentes intensidades aos fogos. Vamos usar saberes, caixa de transporte, enriquecimento ambiental, técnicas como a dessensibilização, etc. Vou listar o que farei hoje e você pode fazer igual aí na sua casa! Embora sejam raras as soluções imediatas, isso com certeza já vai melhorar muito a situação pro seu cão. Mas o ideal é que isso seja feito com antecedência e consistência. Por isso, classifiquei cada tópico como imediato ou preventivo. 1. Fecharei as janelas pra atenuar a entrada de som; (imediato)


2. Antes do jogo, vou dar play num vídeo com som de fogos, deixar tocar na caixinha de som num volume baixo e a cada som de explosão, jogo petiscos pra eles e brincamos enquanto o barulho acontece. Podemos começar a fazer isso dias, semanas, meses antes do evento. Quanto antes, melhor! (preventivo)

3. Que sorte têm os cães que têm e que foram bem adaptados à caixa de transporte! Aqui, dois deles estão com suas caixas. A caixa de transporte dialoga com a natureza canina pela possibilidade de emular uma toca e, através do adestramento, tornou-se um lugar de muita segurança, conforto e por isso, usaremos para reduzir o estresse deles nessa situação. Estarão dentro de suas caixas com uma manta macia e vou optar por deixá-las abertas. Então, fica a sugestão de comprar e fazer seu cachorro gostar da caixa de transporte. (preventivo) 4. Principalmente durante o jogo e ao fim, com as comemorações, usaremos enriquecimento ambiental. Essa é a hora em que vamos oferecer o maior entretenimento e relaxamento possível. Sugiro brinquedos recheáveis e de roer (Kong, cascos, chifres, benebones). Você pode fazer isso em diversos jogos ao longo do ano e ir reduzindo estresse em situações onde há variáveis importantes (fogos e gritos). (preventivo) Agora, ponha isso em prática e vamos mudar a vida do seu pet para melhor!

Um grande abraço!

40 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page